Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

12 coisas que não deves saber sobre a Torre Eiffel

Mäyjo, 25.04.20

 

Sabias que a Torre Eiffel inicialmente era para ser apenas temporária?

Mas tornou-se uma das estruturas mais duradouras, reconhecíveis e icónicas do mundo. Aqui estão mais algumas coisas que provavelmente não sabias...

 

1- Não é a estrutura mais alta de França

Quando foi inaugurada, em 1889, a Torre Eiffel tinha quase o dobro da altura da estrutura mais alta do mundo na altura. E com certeza, com mais de 300 metros de altura, a Torre Eiffel bate muitos edifícios, na França e em outros lugares do mundo... Mas na França, perdeu para um monte de antenas de rádio, colocando-a na posição número 9 para mais alta estrutura francesa.

 

2- Era para ser em Barcelona 
Sim, Gustave Eiffel originalmente lançou a ideia para Espanha, na esperança que fosse construída para a Expo Universal em 1888. Eles rejeitaram, explicando que era "muito caro e estranho."

 

3- Originalmente era vermelha... e demorou um ano e 60 toneladas de tinta para mudar isso. 
Quando abriu, a Torre Eiffel foi pintada um de um marrom-avermelhado. Mas a Torre Eiffel, na verdade, foi repintada 18 vezes, e não tem sido apenas de vermelho, mas também amarelo. Hoje está pintada na cor bronze, oficialmente chamado de "Torre Eiffel Brown", que exige 60 toneladas de tinta. É preciso mais do que um ano para pintar a estrutura toda.

crop;jpeg_quality=60.jpg

<A HREF="HTTP://WWW.FLICKR.COM/PHOTOS/PHOTOSNOCTURNES/299644413" TARGET="_BLANK">FLICKR/64ISO</A>

 

4- O arquiteto do Palais Garnier odiava-a

Muitas pessoas, nas artes de Paris e círculos literários, foram veementemente contra a estrutura, incluindo o arquiteto Charles Garnier. Um grupo escreveu uma carta no jornal Le Temps, dirigida ao diretor da Feira Mundial, Monsieur Alphand intitulada "Protesto contra a Torre de Monsieur Eiffel." Nela, eles escreveram: "Nós viemos, nós, escritores, pintores, escultores, arquitetos, amantes da beleza de Paris, que foi até agora intacta, para protestar com toda a nossa força e toda a nossa indignação, em nome do subestimado gosto francês, em nome da arte e da história francesas sob ameaça, contra a construção no coração da nossa capital, da inútil e monstruosa Torre Eiffel".

 

5- Graças à Torre, os franceses assistiram à coroação da rainha da Inglaterra, ao vivo. 
Gustave Eiffel era um advogado para fins científicos da Torre Eiffel, e ao longo das décadas, ela desempenhou um papel nas telecomunicações como antena de suporte para comunicações wireless.

Um estúdio de televisão foi criado nas proximidades, na Rue de Grenelle, em 1935, usando o transmissor da Torre Eiffel. E foi graças a esse transmissor que o povo francês pode assistir, em 1953 à coroação da rainha da Inglaterra, ao vivo.

 

6- É muito mais popular do que tu!

Tem mais de 1,6 milhões de fãs no Facebook. E pensa só em quantas selfies ela aparece...

crop;jpeg_quality=60-2.jpg

FLICKR/KAMRENB PHOTOGRAPHY (EDITED)

 

7- Está a tornar-se uma central elétrica

Em fevereiro de 2015, duas turbinas de vento foram instaladas na Torre Eiffel. As turbinas são capazes de produzir 10.000 kWh de eletricidade por ano, o que é igual à energia utilizada pelas áreas comerciais no primeiro andar da Torre Eiffel.

 

8- inclina-se para longe do sol 
Como qualquer grande estrutura metálica, o lado voltado para o calor do sol expande-se ligeiramente, fazendo com que "se incline" cerca de 15 cm.

 

9- Podes fazer uma reunião de negócios na Torre Eiffel

Esquece as salas de reuniões chatas, a nova sala de receção Gustave Eiffel está a cerca de 57 metros acima do solo e pode ser alugado para reuniões de negócios. E se reuniões de negócios não te interessam, podes fazer então uma festa.

 

10- Há uma Torre Eiffel no Texas 
Sim, Paris, no Texas tem uma Torre Eiffel, também. Na verdade, existem mais de 30 réplicas da Torre Eiffel em todo o mundo. A maioria é menor, mas há uma no centro de Tóquio que é a escala (e é a segunda construção mais alta no Japão).

crop;jpeg_quality=60-3.jpg

<A HREF="HTTP://WWW.FLICKR.COM/PHOTOS/DRRISS/15488726879" TARGET="_BLANK">FLICKR/DRRISS &AMP; MARRIONN</A>

 

11- Durante a Segunda Guerra Mundial, os combatentes da resistência francesa cortaram os cabos do elevador só para irritar o Hitler

Hitler realmente ordenou a demolição da Torre Eiffel, mas nunca chegaram a concretizar. Os combatentes da resistência francesa, ao cortar os cabos do elevador, dificultaram a tarefa aos nazis, pois para chegar ao teriam de fazer uma subida 1665 degraus.

 

12- Foi vendido como sucata. Duas vezes.

O vigarista Victor Lustig viu uma janela de oportunidade em 1925, quando a Torre Eiffel estava a ficar velha e degradada e os parisienses queriam a sua remoção. Ele forjou documentos para fingir ser um funcionário do governo “vendeu-a” a um grupo de sucateiros. Ele pegou o dinheiro e quando os comerciantes de sucata tentaram saber, com as autoridades da cidade, quando poderiam obter a sua sucata, perceberam que tinham sido enganados. Lustig repetiu este esquema um mês depois.

Fonte: http://www.thrillist.com/entertainment/paris/things-you-didn-t-know-about-the-eiffel-tower

 

Saint-Malo

Mäyjo, 24.08.18

Saint_Malo_reduced.jpg

Saint-Malo é uma cidade portuária histórica no noroeste da França, localizada ao longo do Canal da Mancha. Suas origens remontam a um assentamento monástico fundado no início do século VI.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Saint-Malo foi quase completamente destruída quando os Aliados a confundiram com uma fortaleza do Poder do Eixo e a bombardearam pesadamente.

Demorou 12 anos a reconstruir.

 

Imagem via: DigitalGlobe

Camiões no túnel da Mancha

Mäyjo, 28.07.17

07d39a11-3ae8-45d6-8846-cd675e9cdd66.jpg

Calais, França

50,931745288 °, 1,824167808 °

 

Os caminhões estacionam-se na entrada do túnel do canal em Calais, France.

Neste local, há um ano atrás, mais de 2.200 migrantes tentaram invadir a entrada do túnel num esforço para chegar à Grã-Bretanha - 31,4 milhas de distância através da passagem submarina.

 

PRAIAS FLUVIAIS DE PARIS FECHADAS UMA SEMANA DEPOIS DE ABRIREM

Mäyjo, 05.07.17

canal de l'Ourcq Paris

Foi uma das grandes inaugurações de Paris este Verão, e a presidente do Município, Anne Hidalgo, declarou-as “um sonho tornado realidade” durante a inauguração. E população aderiu em massa, formando-se longas filas à espera para tomar um banho no Sena. As novas praias fluviais recebiam cerca de 300 banhistas de cada vez.

 

Mas esta semana as autoridades fecharam as praias até nova ordem, devido à qualidade da água ter sido declarada insatisfatória. Não foram avançadas mais explicações mas, segundo o jornal The Guardian, uma rádio local apontava culpas às chuvas que caíram no fim de semana e que causaram valores acima do permitido de ‘enterococcus’, bactérias de origem fecal e urinaria. Como não sabemos.

Foi sem dúvida um rude golpe para a cidade, depois de 10 anos de esforços, para limpar as águas do canal. Sobretudo quando a presidente já declarou que quer ter as águas do Sena completamente limpas em 2024, ano a que a cidade se candidatou a receber os Jogos Olímpicos. Para que todos possam tomar banho a ver a Torre Eiffel. Ou não…

Foto Wiki Commons